Carolina Hostyn Gralha é eleita presidente da AMATRA IV

A juíza do Trabalho Carolina Hostyn Gralha foi eleita na noite desta sexta-feira, 1/6, presidente da Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 4ª Região (AMATRA IV). A Chapa 1 - Unidade, Democracia e Independência (UDI) - AMATRA PARA TODOS, liderada pela magistrada, recebeu 247 votos (77,67%) de um total de 325. Nos 52 anos de existência da entidade, de todos os concorrentes à presidência da AMATRA, a juíza foi a mais votada.
A Chapa 2 - "Juízes" - ficou em segundo lugar com 71 votos (22,33%).
Seis votos foram em branco e um nulo.

A futura dirigente da Associação é vice-presidente da AMATRA IV na atual gestão e tem expressiva trajetória na diretoria da entidade. A magistrada é juíza do Trabalho desde 2005. Em dezembro de 2017, foi promovida ao cargo de juíza titular da Vara do Trabalho de Frederico Westphalen, por merecimento.
Natural de Porto Alegre, tem 38 anos e é formada em Direito pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Também é Especialista em Direito do Trabalho pela Universidade de Salamanca/Espanha e ainda é Especialista em Direitos Fundamentais e Direito do Trabalho, pela PUCRS.

Entre as metas de atuação da eleita estão: defender os direitos e as prerrogativas da magistratura do Trabalho, recuperando a dignidade da remuneração  - com igualdade de vencimentos para ativos e aposentados. "Irei representar as causas de todos os colegas, sejam eles jubilados ou juízes que recém ingressaram na carreira", salienta.
A futura presidente também trabalhará pela independência da magistratura e, efetividade da prestação jurisdicional. Além disso, pautará sua gestão pela  interiorização das ações da entidade. "Queremos estimular a participação na vida associativa dos juízes que atuam nas diversas cidades do Rio Grande do Sul, além da Capital".
Outros objetivos de sua administração serão o de atuar na defesa do Direito do Trabalho, do Direito Social e da Justiça do Trabalho e participar ativamente de campanhas contrárias ao trabalho infantil, ao trabalho escravo e à precarização das relações de trabalho. "Vamos atuar ainda pelo trabalho seguro, considerando que as pautas cidadãs legitimam as pautas próprias da magistratura", assinala a futura presidente da AMATRA IV.

Acompanha Carolina Gralha na direção executiva da entidade o juiz Tiago Mallmann Sulzbach - que exercerá o cargo de vice-presidente.
Os demais membros da diretoria serão definidos conforme regra de proporcionalidade prevista no estatuto da Associação.
A cerimônia de posse da gestão 2018/2020 acontecerá no dia 15 de junho.

Foto: Divulgação/ TRT-RS

Facebook

Rua Rafael Saadi, 127 | Bairro Menino Deus | Porto Alegre, RS | CEP: | Tel/Fax: (51) 3231-5759