Administração 2018/2020 da AMATRA IV toma posse

Com a presença de grande público, que lotou as dependências do Auditório Ruy Cirne Lima, em Porto Alegre, tomou posse a diretoria da AMATRA IV para o biênio 2018/2020. A cerimônia, realizada em 15/6, contou com a presença de magistrados, representantes de entidades ligadas ao Judiciário, servidores, advogados e demais convidados. Na data, a juíza do Trabalho Carolina Hostyn Gralha e os representantes de sua diretoria (veja nominata completa abaixo) assumiram a administração da entidade.

Primeiro discurso da nova presidente: luta contra as adversidades
Ao assumir a presidência da entidade, a juíza Carolina Hostyn Gralha fez uma análise de seus 12 anos de vida associativa. "Período que praticamente se confunde com a minha história na magistratura, anos de muito aprendizado, compreensão, empatia e de doação". Entre as referências dessa trajetória, citou o amigo Luiz Antonio Colussi (ex-presidente da AMATRA IV na gestão 2008/2010) "por ter sido o primeiro presidente a proporcionar o meu crescimento dentro da Associação".
Ao fazer uma análise da conjuntura atual, a juíza a qualificou como uma época de adversidades. "Sabemos que os tempos são sombrios. A situação político-econômica do país é cada vez mais complexa e, não raro, a magistratura é alvo de discursos de ódio e de práticas nefastas. A Justiça do Trabalho surge como a vilã da vez em discursos obscuros, cujos objetivos são de nos levar à míngua e nos extinguir. Mas nós não permitiremos", garantiu a magistrada.
Nesse sentido, assegurou ainda que sua diretoria trabalhará ao lado de entidades e da sociedade, ou seja, daqueles que compreendem a importância do papel da Justiça do Trabalho, da justiça social e de um Direito do Trabalho sólido. "Não nos calaremos diante das mazelas, diante das crianças que trabalham, dos trabalhadores que são explorados como escravos, que colocam suas vidas e saúde em risco, que perdem seus empregos ou têm suas relações precarizadas. Uma associação de juízes do trabalho tem essa obrigação e, junto com a jurisdição, é o que justifica a existência desta justiça especializada, justiça que nós escolhemos por vocação", assegurou.

Defesa das prerrogativas e resgate da dignidade remuneratória
"Também seremos incansáveis na busca de melhores condições de trabalho, na defesa das nossas prerrogativas e no resgate da dignidade remuneratória, contemplando a todos, dos colegas jubilados àqueles que recém ingressaram na carreira", complementou.
Ao lembrar o processo eleitoral de 2018, que contou com disputa entre duas chapas, a magistrada pontuou que há 12 anos inexistia esta realidade no processo eleitoral da AMATRA IV. "A expressiva participação dos colegas e da votação que nos foi conferida legitima não só os nossos nomes, mas também o projeto e um perfil de Associação que propomos. "Assim, com a proporcionalidade prevista no nosso estatuto, agregamos força e novas ideias para trabalharmos todos juntos pelo mesmo fim".
No término de seu discurso, a presidente Carolina Gralha fez diversos agradecimentos: à família, ao atual namorado, aos funcionários da Associação, a todos que colaboraram para a beleza da cerimônia de posse, e, especialmente, aos amigos da Chapa Unidade, Democracia e Independência (UDI) - AMATRA para todos - "meus parceiros (incansáveis) na concretização desse projeto para os próximos dois anos", narrou.
"Por fim, agradeço ao meu filho Bento, razão e amor da minha vida. Filho, espero que compreendas todas as vezes que a mamãe não estiver em casa. mas espero, também, e me esforçarei para que aprendas o valor da solidariedade, do altruísmo e da empatia para seres um homem do bem, que saiba olhar e ajudar o próximo. "Renovo o agradecimento a todos os presentes, vocês fazem a diferença. Muito obrigada".

Homenagem

Após sua manifestação, a nova presidente fez uma homenagem surpresa a dois colegas que têm um lugar especial em sua memória afetiva: o juiz aposentado Adil Todeschini (ex-presidente da Associação no biênio 1980/1981) que aos 85 anos é um ativo participante da vida política da entidade e "ao melhor conhecedor de prerrogativas da magistratura" e quem a convidou para participar da AMATRA IV, juiz Eduardo Duarte Elyseu.

LEIA ABAIXO A NOMINATA COMPLETA DA GESTÃO 2018/2020.

DIRETORIA EXECUTIVA
Presidente: Carolina Hostyn Gralha
Vice-Presidente: Tiago Mallmann Sulzbach
Secretária-Geral: Raquel Nenê Santos
Diretora Financeira: Julieta Pinheiro Neta
Diretor Administrativo: Alcides Otto Flinkerbusch

DIRETORIA AMPLIADA
Secretaria Cultural : Laís Helena Jaeger Nicotti e Jorge Alberto Araujo
Secretaria Social: Carolina Santos Costa e Eliane Covolo Melgarejo
Secretaria de Valorização Profissional: Eduardo Duarte Elyseu e Max Carrion Brueckner
Secretaria de Divulgação: Márcio Lima do Amaral e Gilberto Destro
Secretaria de Integração Regional: Bruno Marcos Guarnieri e Jaqueline Maria Menta
Secretaria de Assistência e Bem-Estar Social: Rachel Albuquerque de Medeiros Mello e Ana Paula Kotlinsky Severino
Secretaria de Informática: Adriana Moura Fontoura e Adriana Kunrath
Secretaria de Assuntos Jurídicos e Atualização Legislativa: Cláudio Antônio Cassou Barbosa e Giani Gabriel Cardozo
Secretaria de Esportes: Rosiul de Freitas Azambuja e Mariana Picolli Lerina
Secretaria de Assuntos da Cidadania: Gabriela Lenz de Lacerda e Marcela Casanova Viana Arena

Conselho Fiscal
Titulares: Marcos Fagundes Salomão, Jefferson Luiz Gaya de Goes e Simone Oliveira Paese
Suplente: Clóvis Fernando Schuch Santos

Coordenadoria dos Juízes Aposentados
Catharina Dalla Costa e Belatrix Costa Prado

Coordenadoria dos Juízes Substitutos
Cláudia Elisandra de Freitas Carpenedo e Rafael Moreira de Abreu

Programa Trabalho, Justiça e Cidadania (TJC)
Coordenação: Aline Doral Stefani Fagundes
Comissão TJC : Anita Job Lübbe, Cínthia Machado de Oliveira, Marina dos Santos Ribeiro e Sheila dos Reis Mondin Engel

Comissão do Futebol e Jogos da Anamatra
Horismar Carvalho Dias, Diogo Souza, Edenir Barbosa Domingos e Caroline Bitencourt Colombo


SAIBA MAIS

Agradecimento
Ao se pronunciar, o juiz Rodrigo Trindade de Souza - que concluiu seu mandato à frente da AMATRA IV - destacou que este é um período de agradecer a todos que contribuíram para sua jornada no último biênio: funcionários da entidade, colegas de diretoria e da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), "parceira de incontáveis atividades e que é um modelo de excelência". O magistrado também agradeceu o apoio recebido durante sua gestão da direção do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT-RS), mencionando nesse sentido as presidentes Beatriz Renck e Vania Mattos.
Sobre suas conquistas no período, ele enumerou 24, uma para cada mês de gestão. Entre elas, destaque para a conclusão da reforma da sede administrativa da entidade, "hoje considerada a mais moderna e maior do Brasil", a realização do Debate Nacional da Reforma Trabalhista, em agosto de 2017, que reuniu centenas de pessoas, e a consolidação do protagonismo da Associação em movimentos como a Frente Associativa da Magistratura e do Ministério Público (Frentas) e ainda como fonte de informação para a imprensa de todo o País. O magistrado também registrou a importância ímpar da AMATRA IV no cenário regional e nacional. Além disso, destacou o compromisso que a entidade tem com as demandas jurisdicionais, promoção dos valores da magistratura e da Justiça do Trabalho. Em sua conclusão, referiu o orgulho de transferir a presidência da AMATRA IV para a juíza Carolina Hostyn Gralha.

Votos de sucesso e a importância do feminino
A solenidade também contou com as manifestações da presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT-RS), Vania Mattos, e da vice-presidente da Associação Nacional da Magistratura do Trabalho (Anamatra), Noemia Porto - na data, representando o presidente da entidade.
Em sua fala, a presidente do TRT-RS, desembargadora Vania Mattos, fez um balanço dos desafios suplantados pelas diversas direções da AMATRA IV em seus 53 anos de atividades e desejou à nova diretoria uma profícua gestão, mencionando ainda que a entidade tem o apoio da administração do TRT-RS.
Já a vice-presidente da Anamatra, destacou o prazer de participar "desse momento democrático". A magistrada pontuou, entre outras abordagens, o papel e os desafios enfrentados pela Anamatra e Amatras na atualidade, a importância da superação da barreira de gênero e a marca do feminino que a próxima presidente traz para a AMATRA IV. "Isso demonstra que as associações podem ser e são de todos, sem exclusão de grupos".
A mesa principal de autoridades também foi composta pela ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST) Maria Helena Mallmann, pelo procurador-chefe da Procuradoria Regional do Trabalho da 4ª Região (MPT/RS), Victor Hugo Laitano, e pela corregedora-geral da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RS), Maria Helena Dornelles, no ato representando a presidência nacional da OAB e também a presidência da OAB/RS.

Presenças
Diversas autoridades, representantes de associações e entidades de classe estiveram presentes na posse, entre eles, o deputado estadual Pedro Ruas, no ato representando a presidência da Assembleia Legislativa do RS, o vice-presidente e o vice-corregedor do TRT-RS, desembargadores Ricardo Fraga e Marcelo Gonçalves de Oliveira, o representante da Escola Judicial do TRT-RS, desembargador Ricardo Martins Costa, o representante da Cooperativa Sicredi/Ajuris e ex-presidente do TRT-RS, desembargador João Ghisleni Filho, o representante da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Jerson Moacir Gubert, a presidente da Associação dos Juízes do RS (Ajuris), Vera Lúcia Deboni, o presidente da Associação dos Juízes Federais do RS, Gerson Godinho da Costa, a vice-presidente da Associação do Ministério Público do RS (AMP/RS), Martha Silva Beltrame, o presidente da Associação dos Peritos na Justiça do Trabalho (Apejust), Evandro Krebs Gonçalves, o presidente da Associação dos Procuradores do Município de Porto Alegre (APMPA), Cesar Emílio Sulzbach, o presidente da Academia Sul-Rio-Grandense de Direito do Trabalho (Asrdt), André Jobim de Azevedo, o vice-presidente da Associação dos Advogados Trabalhistas de Empresas no RS (Satergs), Eugênio Hainzenreder Júnior, a vice-presidente da Associação dos Oficiais de Justiça Avaliadores Federais do RS (Assojaf), Cristina Viana dos Santos, o representante da Associação Gaúcha de Advogados Trabalhista (Agetra), Ivan Lazarotto, a representante da Associação Brasileira dos Advogados Trabalhistas (Abrat), Silvia Burmeister, o representante da Caixa de Assistência dos Advogados da OAB/RS, Gustavo Juchem, o representante da Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Agafisp) e Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip), Vilson Romero, o representante da Federação dos Empregados no Comércio de Bens e Serviços do RS (Fecosul) e Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Marcelo Ribeiro Pereira, e o representante da Central Única do Trabalhadores (CUT/RS), Marcelo Machado Carlini.

Fotos: Inácio do Canto da Rocha Filho (TRT-RS)

 

Rua Rafael Saadi, 127 | Bairro Menino Deus | Porto Alegre, RS | CEP: | Tel/Fax: (51) 3231-5759