Alunos da Fundação O Pão dos Pobres finalizam curso do Programa Trabalho, Justiça e Cidadania (TJC)

Vídeo, palestra, poesia e apresentação musical foram alguns dos meios utilizados pelos jovens no sentido de expressar o conteúdo aprendido durante as aulas. As atividades na instituição foram realizadas pela AMATRA IV em parceria com o Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região.

Foi realizado em 19/11 o evento de encerramento do curso do Programa Trabalho, Justiça e Cidadania (TJC) oferecido aos alunos da Fundação O Pão dos Pobres. Os jovens fizeram apresentações em que expuseram suas reflexões a respeito dos assuntos tratados ao longo do curso. Foram produzidos um vídeo sobre uma relação abusiva entre empregador e empregado e sua solução na Justiça do Trabalho, uma poesia sobre a realidade do trabalhador brasileiro mais pobre, uma apresentação musical/teatral sobre assédio sexual e uma pequena palestra sobre realidade aumentada e sua relação com o mercado de trabalho.
A juíza do Trabalho Aline Doral Stefani Fagundes, coordenadora do Programa no Rio Grande do Sul, destacou a importância do evento para a conclusão das atividades. “Este é o grande momento do nosso trabalho. Esta é a oportunidade que temos de mostrar para esta grande Instituição que é O Pão dos Pobres o que significa a experiência do Programa Trabalho, Justiça e Cidadania. Através do trabalho de vocês nós tivemos uma porta aberta”, avalia a magistrada.
O Programa Trabalho, Justiça e Cidadania é uma iniciativa da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra) por meio da qual magistrados, membros do Ministério Público, advogados, professores de Direito e servidores do Judiciário semeiam noções básicas de direitos fundamentais, Direito do Trabalho, Direito da Criança e do Adolescente, Direito do Consumidor, Direito Penal, Ética e Cidadania em escolas, especialmente as públicas, de diversos estados e municípios. No Rio Grande do Sul, o Programa é posto em prática pela Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 4ª Região (Amatra IV) em parceria com o TRT-RS e outras entidades da sociedade civil.
A presidente da Amatra IV, juíza Carolina Gralha, enalteceu o empenho dos jovens ao longo do curso. “Esse trabalho não começou ontem. O trabalho de vocês mostra quanto vale a pena investir nesse seguimento. Ver o retorno de vocês engrandece nosso papel, nosso trabalho, e também a nós como pessoas, podem ter certeza de que aprendemos muito com vocês”, avalia. A magistrada aproveitou para homenagear os professores na pessoa de professor Paulo Peres, designado pel’O Pão dos Pobres para acompanhar as atividades do Programa. “Não existe Programa Trabalho, Justiça e Cidadania sem professor, como o nosso país, nossa nação, o nosso futuro não existe sem um professor. Parabéns, professor Paulo!”

Fonte: Texto de Érico Ramos, fotos de Inácio do Canto - Secom/TRT-RS

https://www.trt4.jus.br/portais/trt4/modulos/noticias/199369?fbclid=IwAR0xwitSaU3EBSn-1lETSbJOkw_hVr-SaFYibiX0yPOhfKOjU3ognlWPTlU

 

Facebook

Rua Rafael Saadi, 127 | Bairro Menino Deus | Porto Alegre, RS | CEP: | Tel/Fax: (51) 3231-5759